Descongelamento de carreiras será feito "entre 2018 e 2021"

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Em Curso Descongelamento de carreiras será feito "entre 2018 e 2021"

Mensagem por dragao em Sex 22 Set 2017, 11:59

Relembrando a primeira mensagem :

O descongelamento das progressões na carreira da Função Pública será feito no horizonte temporal previsto no Programa de Estabilidade, entre 2018 e 2021, disse, esta quinta-feira, a presidente do Sindicato dos Quadros Técnicos do Estado (STE).

A presidente do STE, Helena Rodrigues, falava aos jornalistas à saída de uma reunião no Ministério das Finanças com os secretários de Estado da Administração Pública, Fátima Fonseca, e do Orçamento, José Leão, sobre as matérias do Orçamento do Estado para 2018 (OE2018) para os trabalhadores do Estado.

GOVERNO DIZ QUE DESCONGELAMENTO DAS CARREIRAS SERÁ FEITO "EM POUCOS ANOS"

VER MAIS
"O período gradual [do descongelamento das carreiras] é o que consta do Programa de Estabilidade, ou seja, 2018/2021, esta é a realidade que temos, está no Pacto de Estabilidade, e o Governo reconhece que é este o período", anunciou a dirigente sindical.

Helena Rodrigues lamentou que o Governo não tenha avançado durante o encontro com uma "proposta concreta", que será enviada às estruturas sindicais antes da próxima reunião, no dia 6 de outubro.

"Estamos num processo em que queremos construir soluções e não apenas palavras de reconhecimento de direitos", defendeu a presidente do STE.
JN
avatar
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 49
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 20209
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Voltar ao Topo Ir em baixo


Em Curso Re: Descongelamento de carreiras será feito "entre 2018 e 2021"

Mensagem por sousa89 em Seg 14 Maio 2018, 10:51

O problema é que nós temos associações e a PSP tem sindicatos....e isso é que os camaradas esquecem...os Sindicatos têm muito mais poder e é uma reinvidicação velha das nossas associações...não se percebe tratamento diferenciado por duas instituições com competências idênticas...
E provavelmente quem chefia a Policia de Segurança Pública, luta pelos seus subordinados enquanto a nossa, provavelmente não o faz...
avatar
sousa89
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 29
Profissão : militar da GNR
Nº de Mensagens : 898
Mensagem : Nunca esquecer que todos somos pessoas diferentes, logo temos opiniões diferentes....temos de aprender que cada um tem direito á sua opinião...
Meu alistamento : 02DEC10

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Descongelamento de carreiras será feito "entre 2018 e 2021"

Mensagem por dragao em Qui 14 Jun 2018, 22:32

Professores chamam outras profissões para lutar contra o Governo
Polícias, funcionários judiciais e professores estão em contacto para avaliar se tomam uma posição conjunta. Em comum têm o facto de terem progressões baseadas no tempo de serviço, que não está a ser contabilizado.
Professores, funcionários judiciais e polícias têm tido contactos para avaliar se avançam para uma posição conjunta que pressione o Governo a acelerar as suas progressões na carreira. Em comum têm o facto de o ritmo das suas progressões depender, na totalidade ou em parte, do reconhecimento do tempo de serviço prestado durante o período de congelamento, entre 2011 e 2017.


A notícia é avançada pelo Público, que explica que os contactos já começaram, ainda não são conclusivos, mas podem levar a uma tomada de posição pública esta semana.


O presidente dos funcionários judiciais, Fernando Jorge, fala numa "plataforma de espoliados dos anos de carreira congelados" coordenada por Mário Nogueira (na foto).


O líder da Fenprof confirma por sua vez a existência de "contactos exploratórios", admitindo que "talvez esta semana possa haver alguma coisa", sublinhando contudo que não sabe ainda se será possível "pôr no papel uma coisa que seja comum a todos".


O que se passa com as carreiras e com os anos de serviço?


As carreiras da Função Pública foram descongeladas em Janeiro deste ano, mas há dois principais grupos distintos.


Por um lado, o dos funcionários cujas progressões dependem essencialmente da avaliação. É o que acontece por exemplo nas chamadas carreiras gerais (assistentes operacionais, assistentes técnicos, técnicos superiores). Nestes casos, onde a progressão é geralmente mais lenta, os saltos na carreira estão a ter em conta a avaliação feita durante o período de ajustamento.


Por outro lado, o dos funcionários cujas progressões dependem essencialmente do tempo de serviço prestado. Nestes caso, onde se incluem os professores, que em circunstâncias normais progridem de forma mais rápida, o tempo de serviço que foi prestado entre 2011 e 2017 não está a ser tido em conta para efeitos de progressão.


Isto significa que se há professores que começam a progredir este ano, mas outros que só o farão por exemplo em 2020, quando completarem quatro anos de serviço durante o descongelamento. O que os docentes pretendem é que os anos de serviço sejam contados para que as progressões sejam mais rápidas.


Mas houve negociação?


Os professores têm alegado que estão a ser discriminados face aos outros profissionais uma vez que o tempo de serviço prestado nos anos de congelamento está a ser "apagado". Já o Governo alega que os docentes são privilegiados face às outras carreiras por terem um esquema de progressão mais rápido (em regra, de quatro em quatro anos).


A questão levou a um braço-de-ferro no último orçamento do Estado, que resultou numa solução que, verifica-se agora, está a alimentar outro braço-de-ferro.


Explica o artigo 19º da lei do orçamento que "A expressão remuneratória do tempo de serviço" nas carreiras que dependam do tempo "é considerada em processo negocial com vista a definir o prazo e o modo para a sua concretização, tendo em conta a sustentabilidade e compatibilização com os recursos disponíveis".


No início do ano, o Governo chegou a propor a recuperação de 2 anos, 9 meses e 18 dias (de um total de mais de 9 anos reclamados pelos sindicatos), alegando que desta forma se cria equidade com o ritmo da Função Pública. Os professores rejeitaram a proposta e na segunda-feira o Ministro da Educação ameaçou não recuperar absolutamente nada. 



Ontem, o primeiro-ministro admitiu que as negociações possam prosseguir, mas colocou o ónus nos sindicatos, que têm greves às avaliações marcadas para 18 de Junho. As paralisações poderão ser estendidas à vigilância dos exames, ao lançamento de pautas de avaliação e ao início do próximo ano lectivo.



http://www.jornaldenegocios.pt/economia/funcao-publica/detalhe/professores-chamam-outras-profissoes-para-lutar-contra-o-governo?ref=Fun%C3%A7%C3%A3o%20P%C3%BAblica_outros
avatar
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 49
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 20209
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Descongelamento de carreiras será feito "entre 2018 e 2021"

Mensagem por dragao em Qui 14 Jun 2018, 22:35

Se pretendem colocar os homens da cúpula a tremelicar, estão no caminho certo.
A união faz a força.
avatar
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 49
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 20209
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Descongelamento de carreiras será feito "entre 2018 e 2021"

Mensagem por Overlord em Qui 14 Jun 2018, 22:50

Na minha opinão o governo vai dar a parte mais forte (professores) o que eles pretendem e cagar-se no resto. Tem sido a maneira de governar de António costa. Dividir para reinar
avatar
Overlord
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 88
Profissão : GUarda de infantaria
Nº de Mensagens : 1020

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Descongelamento de carreiras será feito "entre 2018 e 2021"

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares