Relatório incêndios de Outubro 2017 da Comissão Tecnica Independente

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Em Curso Relatório incêndios de Outubro 2017 da Comissão Tecnica Independente

Mensagem por Gif em Qua 21 Mar 2018, 21:31

https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/sintese-do-relatorio-da-comissao-tecnica-independente-aos-incendios-de-outubro
avatar
Gif
Cabo-Chefe
Cabo-Chefe

Masculino
Idade : 40
Profissão : tratorista
Nº de Mensagens : 275
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Relatório incêndios de Outubro 2017 da Comissão Tecnica Independente

Mensagem por altf4 em Qua 21 Mar 2018, 22:12

O relatório 

https://mega.nz/#!mZpnEQBD!28wGg4zNv6sPHHYBLRdjGo1HOwvweGlTsp_EOdbXvE0
avatar
altf4
Moderador
Moderador

Masculino
Idade : 45
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 540
Mensagem : Quando você morre, você não sabe que está morto. Quem sofre são os outros.
É a mesma coisa quando você é idiota.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Relatório incêndios de Outubro 2017 da Comissão Tecnica Independente

Mensagem por PINTAROLAS em Qui 22 Mar 2018, 16:19

Fixe

_____________________________________________
Regras
Utilizadores com acessos especiais
Posto Virtual/Expediente
Facebook Fórum GNR
UTILIZAR FUNÇÃO "BUSCAR"
Linha de Apoio Psicossocial 800962000
Wink
avatar
PINTAROLAS
Moderador
Moderador

Masculino
Idade : 40
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 7675

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Relatório incêndios de Outubro 2017 da Comissão Tecnica Independente

Mensagem por Guarda que anda à linha em Qui 22 Mar 2018, 17:52

Em relação aos incêndios de 2017 e às desgraças a eles associados, isto só vem provar que o discurso daqueles responsáveis das mais variadas instituições, particularmente relacionadas com funções de soberania do estado, segurança e defesa, militares/policias/bombeiros etc. Quando dizem nesta ou naquela circunstância que o efetivo desta ou daquela instituição neste momento é de X homens e que deveria de ser Y, mas que mesmo assim o serviço se faz na mesma, ainda por cima com qualidade. Infeliz e lamentavelmente, estas desgraças vêm precisamente provar que esses responsáveis estão redondamente enganados.

Além das tragédias dos incêndios de 2017, temos também a tragédia silenciosa (neste momento ocultada e disfarçada por outros assuntos) que se está a verificar em Portugal, e que é as vitimas dos acidentes rodoviários, que em 2017 foi superior a 2016, e em 2018 já é superior a igual período de 2017.

O dizer-se que ter o efetivo de X e que deveria ser de Y, mas que mesmo assim o serviço se faz na mesma, particularmente nas funções de soberania de defesa/segurança interna, é totalmente falso e mentiroso. E quando alguém está a dizer isto, está a brincar e a por em causa a segurança de todos nós enquanto cidadãos, e particularmente a destes profissionais, que muitas vezes um tem de fazer o serviço de dois ou três.

O argumento também apresentado pelas finanças, que para essas funções se devem recorrer aos elementos velhos, como recentemente foi dito em resposta ao pedido dos militares das Forças Armadas que pedia várias centenas de militares jovens para o desempenho normal que estas funções exigem, aquela entidade, respondeu que recorressem aos velhos na reserva, também não colhe. Ser militar, policia ou bombeiro, não é a mesma coisa que trabalhar no Ministério das Finanças ou noutra repartição qualquer existente por esse país fora.

Os nossos políticos e decisores têm de se convencer e mentalizar de uma coisa. Não basta dizer lá fora que o nosso país é um dos mais seguros do mundo, para atrair turistas e estrangeiros. E atendendo ao que se passou em 2017 em termos de incêndios e sinistralidade rodoviária, para não falar no resto da criminalidade em geral, provavelmente não é. E se o quer ser, têm de se convencer de uma coisa, para se ser um dos países mais seguros do mundo isso custa dinheiro e meios. E nesses meios, além dos materiais, têm de estar bombeiros, militares e policias novos em numero suficiente e eficaz, porque a segurança de todos nós não pode ser entregue a estes profissionais velhos e em numero reduzido. Porque, como disse o Sr. PR e bem, no seu discurso de ano novo http://expresso.sapo.pt/politica/2018-01-01-Marcelo-quebra-tradicao-mensagem-de-Ano-Novo-transmitida-em-direto-de-sua-casa#gs.wvaYCfc "nos momentos críticos as missões essenciais do estado não podem falhar".
avatar
Guarda que anda à linha
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 52
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 1177
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Relatório incêndios de Outubro 2017 da Comissão Tecnica Independente

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares