Guardas velhos vão tirar e ocupar postos de trabalho aos civis novos.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Em Curso Guardas velhos vão tirar e ocupar postos de trabalho aos civis novos.

Mensagem por Guarda que anda à linha em Qua 17 Out 2018, 14:08

https://www.noticiasaominuto.com/pais/1100365/criado-programa-vigilancia-para-gnr-e-psp-na-pre-ou-reserva


Proposta de lei nº 156/XIII
Proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2019
Artigo 148.º


Programa «Vigilância +»


1 -     O programa «Vigilância +» é fundado em razões de especial interesse público e possibilita aos militares da GNR na reserva fora da efetividade de serviço e aos elementos da PSP no regime de pré-aposentação o desempenho, facultativo, de funções de vigilância nos organismos e entidades do Estado.
2 -     O programa referido no número anterior é gerido pelos responsáveis máximos das forças de segurança, adotando o Governo os mecanismos legais necessários à sua regulamentação.
3 -     Os efetivos que desempenhem funções ao abrigo do Programa «Vigilância +» exercem as suas funções na dependência funcional do comando da respetiva área territorial e são abrangidos por mecanismo remuneratório a definir nos termos do número anterior.
Aqui está o prémio e o reconhecimento que nos querem dar ao fim de várias décadas de trabalho, numa profissão de risco, desgaste, penosidade e perigosidade, sem paralelo em Portugal, em que demos tudo de nós.
No fim da linha, já velhos, desgastados e cansados, e com muitas marcas físicas e psicológicas que a missão provocou, e em que vimos alguns camaradas de armas que ficaram pelo caminho durante essa linha no cumprimento da missão, numa altura que deveria ser de tranquilidade e de paz para recuperar e gozar um pouco daquilo que em toda a vida se deu e perdeu, aqui está a paga. Enquanto à generalidade dos trabalhadores do setor publico e privado estão a criar condições para que possam abandonar o local de trabalho mais cedo, com as novas regras das reformas antecipadas, para dar lugar aos jovens que tanto precisam dele, aos militares da Guarda estão a fazer precisamente o contrário. Depois da carne, querem agora roer-lhes os ossos.
O que é que os militares da Guarda terão feito de mal à sociedade ou ao poder politico, para agora os quererem presentear com tal presente?
avatar
Guarda que anda à linha
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 52
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 1293
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Guardas velhos vão tirar e ocupar postos de trabalho aos civis novos.

Mensagem por Aoki em Qui 18 Out 2018, 15:33

Só vai quem quer, o pior é que muitos vão querer... porque não tiveram uma vida de desgaste. E ainda, acham que algum dia vão considerar a nossa proffissão como sendo de desgaste rápido? Se depois de uma vida inteira a trabalhar, vão "descansar a trabalhar" bater
avatar
Aoki
Guarda
Guarda

Masculino
Idade : 34
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 61
Meu alistamento : 2100

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Guardas velhos vão tirar e ocupar postos de trabalho aos civis novos.

Mensagem por Raí em Sab 20 Out 2018, 16:32

Mas alguém acha que um militar da G.N.R. ao fim de mais de 30 anos de Patrulhamento, vai querer ir para um serviço destes....

De salientar que sublinhei a palavra Patrulhamento......para ver se me entendem. militar

_____________________________________________

avatar
Raí
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 45
Profissão : Militar da G.N.R
Nº de Mensagens : 1582
Mensagem : Antes de me criticares tenta superar-me
Meu alistamento : 1995

http://www.g-sat.net

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Guardas velhos vão tirar e ocupar postos de trabalho aos civis novos.

Mensagem por Guarda que anda à linha em Sab 20 Out 2018, 22:12

Raí escreveu:Mas alguém acha que um militar da G.N.R. ao fim de mais de 30 anos de Patrulhamento, vai querer ir para um serviço destes....

De salientar que sublinhei a palavra Patrulhamento......para ver se me entendem. militar

O problema que está aqui em causa e que pode estar em causa no futuro não é só o querer.

E é claro que se entende o sublinhado. E esse sublinhado é o poder ser-se agredido, ferido e ou morto em serviço a qualquer momento. É estar sujeito a um dever de disponibilidade para o serviço que nas outras profissões não se está. É ter sempre hora certa de entrar ao serviço e não ter muitas das vezes hora certa dele sair. É estar mais sujeito e exposto a acidentes e doenças como nas outras profissões não se está. É não ter horários de serviço e períodos de descanso como nas outras profissões se tem. É não poder ter uma atividade profissional remunerada paralela como nas outras profissões se pode. É não se poder ter uma vida familiar e planeada como nas outras profissões se tem, etc. etc.

Esse sublinhado quer dizer também que desde 25 de abril de 1974 até hoje, altura em que Portugal estava empenhado em várias frentes nas guerras do ultramar, em que centenas de militares das FAs ali morreram e ficaram feridos em serviço. Desde aí para cá, período chamado de tempo de paz, apesar dos militares das FAs continuarem a estar presentes em vários cenários de guerra por esse mundo fora (onde muitas das vezes também os da GNR estão/estiveram), nesse mesmo tempo de paz, só no território nacional já foram agredidos, feridos e mortos em serviço mais militares da GNR do que militares das FAs. Por este exemplo, se pode fazer a comparação entre os militares do sublinhado e os profissionais de outra profissão qualquer. Ou seja, em tempo de paz (em tempo de guerra será pior ainda porque depois também serão envolvidos nela) os militares do sublinhado, exercem a sua função/missão no organismo do estado onde mais profissionais são agredidos, feridos e mortos em serviço. Esses números são conhecidos e podem ser consultados.

Em qualquer PAÍS (com letra grande) do mundo, este sublinhado é considerado profissão de risco e de desgaste rápido, e ao fim desses 30 anos e na maior parte desses países até menos, os profissionais do sublinhado podem deixar a função com a merecida reforma sem sobressaltos e ter direito ao merecido descanso, por forma a compensar esse período profissional das suas vidas, claramente reconhecido pelas respectivas tutelas .

Nos países (com letra pequena) do mundo, esse sublinhado, é desprezado, abandonado, desconsiderado, descartável, confrontado como se muitas vezes fosse o inimigo do próprio país e a razão de todos os males existente no próprio país, e não reconhecido como função/profissão diferente das outras pela sua tutela, e nem sequer reconhecido como profissão de risco e de desgaste rápido é, ao contrário dos bailarinos entre outros grupos profissionais, que são.

E ao fim desses 30 anos de serviço/sublinhado, altura em que, como na maior parte dos PAÍSES (com letra grande) acontece, que os do sublinhado deveriam ter direito ao merecido descanso e à merecida reforma sem sobressaltos. Muito pelo contrário, ainda andam a tentar arranjar estratagemas, manhas, Chico espertices e todos os expedientes mais e mais alguns, a ver se os obrigam a arrastar-se o mais possível no sublinhado. E no final de tudo e como se não bastasse, através de leis manhosas, nebulosas e labirinticas, ainda vão fazer tudo por tudo para ver se ainda conseguem dar mais uma machadada final na magra pensão de reforma resultante dos ordenados baixos auferidos durante o período do sublinhado. 
avatar
Guarda que anda à linha
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 52
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 1293
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Guardas velhos vão tirar e ocupar postos de trabalho aos civis novos.

Mensagem por matrix2020 em Sex 26 Out 2018, 15:30

Muita gente poderia ser reaproveitada para imensos tipos de serviços! O problema que se coloca é a falta de garantias dadas pelas tutelas! 
Tudo teria de ser opcional e com remunerações próprias!
E deveria ser criado um sistema que diferencie o serviço de patrulha de todos os outros serviços!
Um militar que passe a vida a fazer patrulhas quando chega aos 55 anos só quer saber do descanso merecido.
avatar
matrix2020
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 42
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 772
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Guardas velhos vão tirar e ocupar postos de trabalho aos civis novos.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares