PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Em Curso PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por dragao Sex 30 Abr 2021, 09:07

A Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP/PSP) e a Associação dos Profissionais da Guarda (APG/GNR) consideraram esta quinta-feira que o valor do subsídio de risco para as forças de segurança deve rondar os 380 euros.

Segundo a ASPP e a APG, este valor deve servir de base para as negociações com o Governo sobre a atribuição de um subsídio de risco para as forças de segurança, que tem de estar concretizado até ao fim de junho, tal como está previsto no Orçamento do Estado deste ano.

As associações socioprofissionais da Guarda Nacional Republicana e os sindicatos da Polícia de Segurança Pública estiveram hoje reunidos com o secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna, Antero Luís, para debater a revisão dos suplementos e subsídios nas forças de segurança.

Os representantes destas estruturas saíram da reunião desiludidos por não ter sido apresentado por parte do Ministério da Administração Interna (MAI) qualquer proposta para dar início ao processo de negociação.

"Como era uma reunião por causa do subsídio de risco, pensávamos que já havia uma proposta por parte do Governo, mas não foi apresentado nada", disse à agência Lusa o presidente da APG, lamentando não existir "nada em concreto".

César Nogueira salientou que é importante que o Governo apresente um valor para se iniciar o processo de negociação, frisando que a proposta da APG está num caderno já entregue ao MAI, sendo essa a base para se chegar a um consenso.

"A nossa proposta é 20% sobre o primeiro nível remuneratório de capitão, isso dá cerca de 389 euros", disse, precisando que esse valor é fixo para todas as patentes.

Também o presidente da ASPP lamentou à Lusa "a falta de informação" apresentada pelo secretário de Estado, considerando que se tratou de uma reunião que "não passou do campo das intenções".

Paulo Santos disse que já existe "pouco tempo" para a negociação do subsídio de risco porque o Orçamento do Estado estabelece que esteja concluído até ao final do primeiro semestre.

O presidente da ASPP defende que o subsídio de risco para o efetivo da PSP tenha um valor idêntico "ao que já existe em outras forças de segurança", nomeadamente a Polícia Judiciária, que ronda os 380 euros.

"Este é o valor colocado pela ASPP em cima da mesa para início das negociações" disse, acrescentando que o sindicato enviou esta semana esta proposta para o MAI.

Em comunicado, o Sindicato dos Profissionais de Polícia (SPP/PSP) refere também que o "Governo se ficou pelas promessas e não avançou com nada em concreto" e exige que "passe das palavras aos atos".

Para o SPP, deve ser definido "um valor significativo e igual para todos" os polícias, independentemente das carreiras.

Num comunicado enviado no final da reunião, o MAI refere que o subsídio de risco e o suplemento remuneratório para os profissionais da GNR e da PSP "dominaram o debate na reunião de hoje, tendo em conta as determinações constantes da Lei do Orçamento de Estado para 2021".

"Dada a necessidade de obter contributos suplementares, foi decidido prosseguir os trabalhos numa reunião marcada já para o próximo mês de maio. No caso específico do subsídio de risco, foi aprovada a criação de um grupo técnico entre o gabinete do secretário de Estado e as associações e sindicatos que reunirá de forma regular", salienta o MAI.

O Ministério da Administração Interna indica ainda que esta reunião deu continuidade ao processo negocial iniciado em 2020 sobre matérias relativas à valorização profissional, que permitiu analisar também as prioridades da nova Lei de Programação de Infraestruturas e Equipamentos das Forças e Serviços de Segurança e um novo modelo de Segurança e Saúde no Trabalho.

https://www.jn.pt/justica/psp-e-gnr-defendem-subsidio-de-risco-a-rondar-os-380-euros-13627002.html
dragao
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 52
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 21796
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por dragao Sex 30 Abr 2021, 09:12

Subsídio de risco para PSP e GNR até final de junho, promete MAI
JORNAL I
13/04/2021 18:30

A atribuição do subsídio de risco aos elementos da PSP e GNR está prevista no Orçamento do Estado de 2021.

O ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, prometeu, esta quarta-feira, no Parlamento, que vão ser revistos os suplementos remuneratórios das forças de segurança e concretizada a atribuição do subsídio de risco, até ao final de junho, aos elementos da PSP e da GNR.

"Foi constituído um grupo de trabalho para que dentro do prazo previsto no Orçamento do Estado deste ano, até junho, termos revisto os suplementos remuneratórios nas forças de segurança, designadamente envolvendo o subsídio de risco", disse o governante, que está a ser ouvido na comissão parlamentar de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias.

Eduardo Cabrita adiantou que as reuniões no âmbito do diálogo social com os sindicatos e associações sócioprofissionais das forças de segurança já foram retomadas. Uma primeira reunião está já marcada para o dia 29 de abril, de acordo com o secretário de Estado de Adjunto da Administração Interna, Antero Luís.

O grupo de trabalho em causa é constituído por elementos dos ministérios da Administração Interna, Finanças e da Modernização do Estado e da Administração Pública.

A atribuição do subsídio de risco aos elementos da PSP e GNR está prevista no Orçamento do Estado deste ano. Segundo a lei do OE, até ao final do primeiro semestre deste ano, o Governo tem de desenvolver "as diligências necessárias com vista à atribuição de subsídio de risco aos profissionais das forças de segurança, mediante o adequado processo de negociação com as respetivas associações representativa".

Já esta terça-feira, cerca de 50 elementos da PSP concentraram-se em frente ao Centro Cultural de Belém, em Lisboa, para reivindicar a atualização dos salários e a atribuição de subsídio de risco.

https://ionline.sapo.pt/artigo/731214/subsidio-de-risco-para-psp-e-gnr-ate-final-de-junho-promete-mai?seccao=Portugal_i
dragao
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 52
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 21796
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por dragao Sex 30 Abr 2021, 09:19

dragao
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 52
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 21796
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por mimsy Sex 30 Abr 2021, 11:23

A meu ver, o valor atribuído terá sempre em conta toda a restruturação dos vários suplementos e subsídios que estão a ser reformulados juntamente com este de "risco".
Seria bom que no final de todas as contas e acertos, para o "bolso" viessem mais 380 euros no final do mês....
Pois até podem atribuir o valor de 500 euros de subsídio de risco, se depois de todos os acertos com os outros suplementos/subsídios, ficarmos com mais 20 ou 30 euros....é mais um tiro no pé. Vamos aguardar com esperança....
mimsy
mimsy
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 40
Profissão : Militar GNR
Nº de Mensagens : 878
Meu alistamento : AIP

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por volverine Sex 30 Abr 2021, 18:50

E que tal em vez de subsidios e suplementos, ter um base digno....
volverine
volverine
Guarda
Guarda

Masculino
Idade : 41
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 57
Meu alistamento : 2006

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Tweety Dom 02 Maio 2021, 09:51

volverine escreveu:E que tal em vez de subsidios e suplementos, ter um base digno....

Ora bem.
Temos que lutar por um salário base digno correspondente ao risco e desgaste da nossa profissão.
Tweety
Tweety
Cabo-Chefe
Cabo-Chefe

Masculino
Idade : 35
Profissão : G.N.R.
Nº de Mensagens : 219

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por moralez Dom 02 Maio 2021, 10:45

Tweety escreveu:
volverine escreveu:E que tal em vez de subsidios e suplementos, ter um base digno....

Ora bem.
Temos que lutar por um salário base digno correspondente ao risco e desgaste da nossa profissão.
Temos que nos equiparar aos nossos pares da União Europeia.
Na Alemanha, um Polícia em início de carreira aufere perto ds 5 vezes o salário mínimo.
Em Espanha, 2.
moralez
moralez
Moderador
Moderador

Masculino
Idade : 36
Profissão : Militar G.N.R.
Nº de Mensagens : 6541
Meu alistamento : 2004

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Lynx Dom 02 Maio 2021, 17:50

Aqui sao 100 euros....
Como diz o Carlao assobia para o lado
Lynx
Lynx
Alferes
Alferes

Masculino
Idade : 42
Profissão : GUARDA
Nº de Mensagens : 3647
Mensagem : so vence quem acredita na vitoria

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Ark Dom 02 Maio 2021, 21:24

Um gozo e brincar com coisas demasiado sérias.
Há camaradas que ainda não estão bem a ver o filme.
Continuem a dar á caneta, entre outras coisas.
Ark
Ark
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 37
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 1254

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por toinojaquim Seg 03 Maio 2021, 15:41

mimsy escreveu:A meu ver, o valor atribuído terá sempre em conta toda a restruturação dos vários suplementos e subsídios que estão a ser reformulados juntamente com este de "risco".
Seria bom que no final de todas as contas e acertos, para o "bolso" viessem mais 380 euros no final do mês....
Pois até podem atribuir o valor de 500 euros de subsídio de risco, se depois de todos os acertos com os outros suplementos/subsídios, ficarmos com mais 20 ou 30 euros....é mais um tiro no pé. Vamos aguardar com esperança....
Ora aí está.... tudo somado, subtraído e dividido, no final vai dar meia dúzia de trocos. Depois a longo prazo, vamos ficar a ganhar menos porque na progressão dos escalões os aumentos vão ser menores.
toinojaquim
toinojaquim
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 466
Mensagem : " As massas nunca se elevam ao padrão do seu melhor membro, pelo contrário, degradam-se ao nível do pior"
Meu alistamento : 2003 Portalegre


Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por toinojaquim Seg 03 Maio 2021, 16:32

https://www.noticiasaominuto.com/politica/1745749/psd-recomenda-ao-governo-valorizacao-remuneratoria-da-psp-e-da-gnr
toinojaquim
toinojaquim
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 466
Mensagem : " As massas nunca se elevam ao padrão do seu melhor membro, pelo contrário, degradam-se ao nível do pior"
Meu alistamento : 2003 Portalegre


Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por dragao Ter 11 Maio 2021, 20:43

Agentes da PSP protestam no Porto exigindo atualização salarial e subsídio de risco

"Subsídio de risco terá de ser o mais adequado possível às forças de segurança, idêntico ao da PJ", exige dirigente sindical.

Cerca de 30 profissionais de PSP exigiram hoje a atribuição do subsídio de risco e a atualização de salários, aproveitando a Cimeira Social europeia que decorre no Porto, para mostrar "a forma como o Governo português trata" estes profissionais.

O protesto, próximo do local onde vai decorrer a cimeira, "é por causa do subsídio de risco e da revisão da tabela salarial, desatualizada há muitos anos, disse à Lusa, Pedro Carmo, da Organização Sindical dos Polícias, que integra a Aliança dos Sindicato da PSP, que organizou a manifestação.

"Tivemos uma perda de cerca de 30% face ao ordenado mínimo nacional e exigimos que o subsídio de risco que venha a ser atribuído seja idêntico ao já atribuído a outras forças de segurança, nomeadamente à Polícia Judiciária e outros órgãos do Ministério da Justiça", sublinhou.

Segundo o dirigente sindical, "o subsídio de risco terá de ser o mais adequado possível às forças de segurança, idêntico ao da PJ (polícia judiciária), por isso é que se pede 25% do primeiro índice de comissário, mais ou menos equivalente ao valor que, por exemplo, a PJ tem".

Mas, sublinha Pedro do Carmo, "pela forma como se está a apresentar as propostas, não nos parece que o Governo queira dar algo parecido com isso. Está mais preocupado em querer distinguir quem é o operacional ou quem é o administrativo e os níveis de risco e perigosidade nos diversos patamares da profissão, do que propriamente dizer que tem 'x' valor para atribuir aos polícias mensalmente".

Referiu que após reunião com os sindicatos da PSP e associações da GNR, o Ministério da Administração Interna colocou em cima da mesa um projeto sobre o modo como tenciona proceder à alteração dos suplementos e subsídios e contemplação dum suplemento de risco.

Enquanto aliança "representamos cerca de 1.500 polícias e apresentámos a nossa proposta ao ministério, embora não tenhamos sido chamados para negociações", adiantou Pedro Carmo.

"É necessário cada vez mais mostrar internacionalmente a forma como o governo português trata os polícias. Estamos integrados numa União Europeia e é completamente desconsiderante a forma como o governo português nos trata, não ouve os alertas, não ouve as reivindicaçôes, não negoceia, apenas impõe, faz o que bem lhe apetece", frisou.

Os organizadores justificaram a fraca adesão ao protesto, com a realização da cimeira europeia que "obrigou à convocação da maioria dos agentes, tendo mesmo sido impedidos de gozar folgas" e também à pandemia de covid-19 que não permite aglomerações.

A Cimeira Social que arranca hoje no Porto, conta com a presença de 24 dos 27 chefes de Estado e de Governo da União Europeia, reunidos para definir a agenda social da Europa para a próxima década e exigiu medidas de vigilância e segurança especificas.

Participaram na manifestação dirigentes da Organização Sindical dos Polícias, Associação Autónoma de polícia, Sindicato Vertical de Carreiras da Polícia, Sindicato Polícia pela Ordem e Liberdade e Movimento Zero, que no conjunto representam cerca de 1.500 profissionais da PSP.
https://www.sabado.pt/ultima-hora/detalhe/agentes-da-psp-protestam-no-porto-exigindo-atualizacao-salarial-e-subsidio-de-risco
dragao
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 52
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 21796
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo