Militares e polícias protestam em São Bento contra atualizações salariais para 2023

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir para baixo

Em Curso Militares e polícias protestam em São Bento contra atualizações salariais para 2023

Mensagem por dragao Sab 19 Nov 2022, 20:04

Manifestantes juntaram-se perto da residência oficial do primeiro-ministro com uma caixa vazia que simboliza as "promessas vazias" do governo.

Os militares das Forças Armadas e os profissionais das forças e serviços de segurança realizam este sábado uma concentração junto à residência oficial do primeiro-ministro, em Lisboa, para protestar contra "os parcos aumentos salariais" previstos para 2023.

No âmbito do protesto, os manifestantes quiseram deixar na residência oficial do primeiro-ministro uma caixa vazia que simboliza as "promessas vazias" do governo para os profissionais dos serviços de segurança.

"Uma mão cheia de nada" e "caixa das promessas vazias e do nada recebido" eram algumas das frases que se podiam ler na caixa que simbolizou o protesto.

Esta manifestação foi organizado pela Comissão Coordenadora Permanente (CCP) dos Sindicatos e Associações dos Profissionais das Forças e Serviços de Segurança, estrutura que congrega os sindicatos e associações mais representativos do setor da segurança interna, e pelas associações das Forças Armadas Associação Nacional de Sargentos (ANS), Associação de Oficiais das Forças Armadas (APFA) e Associação de Praças (AP).

Fazem parte da CCP a Associação dos Profissionais da Guarda (APG/GNR), Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP/PSP), Associação Socioprofissional da Polícia Marítima, Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras, Sindicato Nacional do Corpo da Guarda Prisional e Associação Sindical dos Funcionários da ASAE.

Em comunicado, a CPP explica que "as estruturas presentes neste protesto representam os trabalhadores do Estado que usam farda em seu nome, para garantir a segurança pública e a defesa nacional" e pretendem com a concentração rejeitar "de forma clara os parcos aumentos salariais apresentados no Orçamento do Estado para 2023".

Os militares das Forças Armadas e os profissionais das forças e serviços de segurança vão manifestar neste protesto em São Bento que estão insatisfeitos com as atualizações salariais previstas no Orçamento do Estado para 2023, que vão ser idênticas.

Segundo o Ministério da Defesa Nacional, os militares vão ter aumentos mensais no próximo ano entre 52 e 104 euros.

Por sua vez, os agentes da PSP e guardas da GNR em início de carreira e com salários brutos até aos 1.163 euros vão ter aumentos entre os 90 e os 107 euros, depois a partir daí em todos os níveis remuneratórios haverá um aumento médio de 52 euros até aos 2.570 de remuneração e de 2% nos salários acima desse valor.

https://www.dn.pt/sociedade/militares-e-policias-protestam-em-sao-bento-contra-atualizacoes-salariais-para-2023-15367599.html
dragao
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 54
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 22555
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Ir para o topo Ir para baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir para o topo

- Tópicos semelhantes