Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Em Curso Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por mar em Ter 11 Dez 2018, 19:38

Mulher deu alerta e militares foram agredidos em Castelo Branco.

Dois militares da GNR de Alcains, Castelo Branco, foram agredidos – e tiveram de ser hospitalizados – por pai e filho, domingo à noite, ao darem resposta a uma ocorrência de violência doméstica. O alerta foi dado às 19h30 pela vítima, via Sistema de Controlo de Teleassistência, um equipamento que funciona como ‘botão de pânico’, ao aperceber-se da proximidade do ex-companheiro agressor em desobediência à ordem do tribunal. Quando a patrulha chegou o agressor já não se encontrava no local, mas passou de carro quando os guardas recolhiam o depoimento da vítima. Os militares seguiram o suspeito, deram-lhe ordem de paragem e solicitaram que fizesse o teste de despiste de álcool por suspeitas de conduzir embriagado. Este recusou e agrediu um dos guardas. O colega tentou ajudar e também "foi agredido pelo filho do condutor, que estava dentro da viatura", disse ontem ao CM o tenente-coronel Rui Silva, da GNR de Castelo Branco. Os dois militares sofreram escoriações devido a agressões com socos e pontapés e foram transportados ao hospital de Castelo Branco. Tiveram alta ao final da noite. Pai e filho, de 46 e 19 anos, foram detidos por resistência e coação e libertados: no caso do jovem, a procuradora promoveu a suspensão provisória do processo, independentemente de os militares desejarem procedimento criminal; e, quanto ao pai – que responde ainda por violar a proibição de se aproximar da ex-companheira –, remeteu para processo sumário.

Ler mais em: https://www.cmjornal.pt/portugal/detalhe/botao-de-panico-leva-gnr-a-cilada?ref=HP_Outros
mar
mar
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 53
Profissão : G.N.R
Nº de Mensagens : 1220
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por martins7 em Ter 11 Dez 2018, 19:48

Enquanto os Guardas continuarem a dar o melhor que tem, sem nada em troca... boa recuperação para os camaradas.
Se as chefias saíssem do AC, descessem à rua, pousassem as solas do sapatinho no asfalto (de preferência lá para as 3 da manhã), se sentissem o mundo real, as dificuldades que os Guardas a sério passam, diariamente...
Das duas uma, ou estávamos todos bem melhor ou estávamos todos bem melhor.
martins7
martins7
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 39
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 419
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por sim_ou_nao em Qui 13 Dez 2018, 20:19

As melhoras para os colegas...
sim_ou_nao
sim_ou_nao
Cabo-Excepção
Cabo-Excepção

Masculino
Idade : 37
Profissão : GNR (funcionário no papel e militar na pratica)
Nº de Mensagens : 119
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por redebaia em Sex 14 Dez 2018, 14:46

mar escreveu:... a procuradora promoveu a suspensão provisória do processo, independentemente de os militares desejarem procedimento criminal; ...

Que bela justiça!!! 
Crime publico e doutora manda suspender.... OK!!!
redebaia
redebaia
Cabo
Cabo

Masculino
Idade : 40
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 154
Meu alistamento : 2001

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por ÒdaGuarda em Ter 18 Dez 2018, 09:50

militar
martins7 escreveu:Enquanto os Guardas continuarem a dar o melhor que tem, sem nada em troca... boa recuperação para os camaradas.
Se as chefias saíssem do AC, descessem à rua, pousassem as solas do sapatinho no asfalto (de preferência lá para as 3 da manhã), se sentissem o mundo real, as dificuldades que os Guardas a sério passam, diariamente...
Das duas uma, ou estávamos todos bem melhor ou estávamos todos bem melhor.
militar militar militar
ÒdaGuarda
ÒdaGuarda
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 50
Profissão : Nas horas vagas, Guardo... nas outras... já nem sei!
Nº de Mensagens : 851
Mensagem : "Sei que pareço um ladrão, mas há muitos que eu conheço, que não parecendo o que são, são aquilo que eu pareço..."


Meu alistamento : Começou no dia em que nasci... Alistei-me, desde logo, na escola da vida...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por joao miguel silva em Ter 18 Dez 2018, 14:24

redebaia escreveu:
mar escreveu:... a procuradora promoveu a suspensão provisória do processo, independentemente de os militares desejarem procedimento criminal; ...

Que bela justiça!!! 
Crime publico e doutora manda suspender.... OK!!!
O mandar suspender nada tem haver com o crime ser publico..
O crime de condução ilegal também é publico e no inicio também há muitas suspensões.
Aqui em minha opinião, está a malandrice ideológica da magistrada, em claro prejuízo da autoridade do estado.
Aqui as nossas associações deviam sim vir para as televisões e pressionar.
A conversa sempre do coitadinho, já não pega. Na hora da verdade, estes que aqui choram, não aparecem, não se manifestam, não prescindem de umas horas para pressionar...
joao miguel silva
joao miguel silva
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 733
Mensagem : O querido líder do Guadiana...
Meu alistamento : 2197

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por Gif em Qua 26 Dez 2018, 23:20

Independentemente das (in)justiças, o mais importante ninguém fala, que é o facto de 2 elementos da gnr terem sido agredidos, quando estão munidos de armas e outros meios de defesa.
A questão que se devia colocar era se estes 2 homens estavam preparados para intervir nesta situação, se tinham a formação adequada, e se cumpriram com os procedimentos correctos para a situação em causa.

Eu vejo muitas vezes guardas a porem-se "a jeito", por exemplo, numa situação de fiscalização de transito, o guarda que conduzia o veiculo da gnr saiu do carro e foi falar com o condutor do veiculo que mandaram parar, enquanto o 2º elemento ficou dentro do carro. Eu pergunto, o 2º elemento não devia estar preparado para proteger o colega em caso de necessidade, em vez de ter ficado dentro do carro?

Nesta situação em concreto, sabendo que era um caso de violência domestica, e que o indevido era potencialmente agressivo, não deviam os guardas ter tomado uma posição mais defensiva durante a abordagem?  Será que foram tomadas todas as medidas necessárias para evitar tal situação?

Já vimos aqui no forum, por exemplo no caso dos psp que foram agredidos num jardim, em que os elementos da psp que lá estavam, não se souberam defender, o que revela falta de experiência/formação, e se não houver formação adequada, os casos de violência sobre as policias vão continuar.
Gif
Gif
Cabo-Mor
Cabo-Mor

Masculino
Idade : 41
Profissão : tratorista
Nº de Mensagens : 336
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por fuckingmarine em Qui 27 Dez 2018, 09:41

rápidas recuperação aos nossos colegas, isto é o país que temos...
fuckingmarine
fuckingmarine
Guarda
Guarda

Masculino
Idade : 41
Profissão : guarda
Nº de Mensagens : 63
Mensagem : "Quanto mais magro é o cão, mais as pulgas o mordem"

Voltar ao Topo Ir em baixo

Em Curso Re: Botão de pânico leva dois militares da GNR a cilada

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo