PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir para baixo

Em Curso PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por dragao Sex 30 Abr 2021, 09:07

Relembrando a primeira mensagem :

A Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP/PSP) e a Associação dos Profissionais da Guarda (APG/GNR) consideraram esta quinta-feira que o valor do subsídio de risco para as forças de segurança deve rondar os 380 euros.

Segundo a ASPP e a APG, este valor deve servir de base para as negociações com o Governo sobre a atribuição de um subsídio de risco para as forças de segurança, que tem de estar concretizado até ao fim de junho, tal como está previsto no Orçamento do Estado deste ano.

As associações socioprofissionais da Guarda Nacional Republicana e os sindicatos da Polícia de Segurança Pública estiveram hoje reunidos com o secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna, Antero Luís, para debater a revisão dos suplementos e subsídios nas forças de segurança.

Os representantes destas estruturas saíram da reunião desiludidos por não ter sido apresentado por parte do Ministério da Administração Interna (MAI) qualquer proposta para dar início ao processo de negociação.

"Como era uma reunião por causa do subsídio de risco, pensávamos que já havia uma proposta por parte do Governo, mas não foi apresentado nada", disse à agência Lusa o presidente da APG, lamentando não existir "nada em concreto".

César Nogueira salientou que é importante que o Governo apresente um valor para se iniciar o processo de negociação, frisando que a proposta da APG está num caderno já entregue ao MAI, sendo essa a base para se chegar a um consenso.

"A nossa proposta é 20% sobre o primeiro nível remuneratório de capitão, isso dá cerca de 389 euros", disse, precisando que esse valor é fixo para todas as patentes.

Também o presidente da ASPP lamentou à Lusa "a falta de informação" apresentada pelo secretário de Estado, considerando que se tratou de uma reunião que "não passou do campo das intenções".

Paulo Santos disse que já existe "pouco tempo" para a negociação do subsídio de risco porque o Orçamento do Estado estabelece que esteja concluído até ao final do primeiro semestre.

O presidente da ASPP defende que o subsídio de risco para o efetivo da PSP tenha um valor idêntico "ao que já existe em outras forças de segurança", nomeadamente a Polícia Judiciária, que ronda os 380 euros.

"Este é o valor colocado pela ASPP em cima da mesa para início das negociações" disse, acrescentando que o sindicato enviou esta semana esta proposta para o MAI.

Em comunicado, o Sindicato dos Profissionais de Polícia (SPP/PSP) refere também que o "Governo se ficou pelas promessas e não avançou com nada em concreto" e exige que "passe das palavras aos atos".

Para o SPP, deve ser definido "um valor significativo e igual para todos" os polícias, independentemente das carreiras.

Num comunicado enviado no final da reunião, o MAI refere que o subsídio de risco e o suplemento remuneratório para os profissionais da GNR e da PSP "dominaram o debate na reunião de hoje, tendo em conta as determinações constantes da Lei do Orçamento de Estado para 2021".

"Dada a necessidade de obter contributos suplementares, foi decidido prosseguir os trabalhos numa reunião marcada já para o próximo mês de maio. No caso específico do subsídio de risco, foi aprovada a criação de um grupo técnico entre o gabinete do secretário de Estado e as associações e sindicatos que reunirá de forma regular", salienta o MAI.

O Ministério da Administração Interna indica ainda que esta reunião deu continuidade ao processo negocial iniciado em 2020 sobre matérias relativas à valorização profissional, que permitiu analisar também as prioridades da nova Lei de Programação de Infraestruturas e Equipamentos das Forças e Serviços de Segurança e um novo modelo de Segurança e Saúde no Trabalho.

https://www.jn.pt/justica/psp-e-gnr-defendem-subsidio-de-risco-a-rondar-os-380-euros-13627002.html
dragao
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 52
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 21895
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Ir para o topo Ir para baixo


Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por moralez Qua 16 Jun 2021, 09:13

fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
fvalerio escreveu:
Concordo plenamente com isso. Não defendo este "subsídio", defendo um salário digno e não um camuflado como o nosso que só benefícia as altas patentes. O nosso SFS deveria sim ser o chamado subsídio de risco e deveria ser pago por um valor fixo e não à percentagem.
Até o nosso salário fixo devia ser à percentagem conparando com o salário mínimo.
O salário mínimo subia, o nosso também. Tal como já acontece noutros Países da UE como Espanha e Alemanha.

Então diga-me lá qual é o ordenado mínimo nesses países? A subida do nosso salário mínimo nos últimos anos é a mando de quem? E quando fala em indexação de salários ao ordenado mínimo não é o seu ou o meu é a média do salário na função. Sabe quantos ordenados mínimos ganha um capitão ou um major? Portugal sobrevive de subsídios da europa, é um país de pobres armados em ricos e em como todos os países pobres temos os que mamam tudo e os que não mamam nada.
Desculpe lá, mas ou eu não percebi as suas perguntas ou o Camarada não percebeu as minhas afirmações...
moralez
moralez
Moderador
Moderador

Masculino
Idade : 37
Profissão : Militar G.N.R.
Nº de Mensagens : 6570
Meu alistamento : 2004

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por fvalerio Qua 16 Jun 2021, 18:30

moralez escreveu:
fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
Até o nosso salário fixo devia ser à percentagem conparando com o salário mínimo.
O salário mínimo subia, o nosso também. Tal como já acontece noutros Países da UE como Espanha e Alemanha.

Então diga-me lá qual é o ordenado mínimo nesses países? A subida do nosso salário mínimo nos últimos anos é a mando de quem? E quando fala em indexação de salários ao ordenado mínimo não é o seu ou o meu é a média do salário na função. Sabe quantos ordenados mínimos ganha um capitão ou um major? Portugal sobrevive de subsídios da europa, é um país de pobres armados em ricos e em como todos os países pobres temos os que mamam tudo e os que não mamam nada.
Desculpe lá, mas ou eu não percebi as suas perguntas ou o Camarada não percebeu as minhas afirmações...

Nos temos um vencimento que está inserido na tabela da função pública. Vencimento esse que tem níveis. No caso da GNR Começa no 7(Guarda) e acaba no 73( ultimo escalão de Tenente General) até aqui tudo correcto, existem desigualdades como a sobreposição de niveis mas deixando isso de lado é uma hierarquia nos vencimentos que alguem achou justo.

Depois temos o chamado Suplemento das Forças de Segurança que paga 20% do Vencimento Base + uma base fixa de 31 Euros. Isto faz com que o Guarda no nível 7 receba pouco mais de 185 euros e o Tenente General receba 870 Euros

Percebemos então que é insustentável aumentar o nosso vencimento porque acarreta no topo da pirâmide aumentos significativos camuflados por este suplemento. São estes pormenores de que ninguém fala ou não interessa falar.

Quanto as perguntas que fiz foram em resposta a afirmação do "até o nosso salário deveria ser à percentagem do salario mínimo" e sim concordo consigo mas antes tem de acabar o suplemento à percentagem do nosso vencimento que é apenas uma bola de neve para benefício de alguns
fvalerio
fvalerio
Guarda Provisório
Guarda Provisório

Masculino
Idade : 34
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 31
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por só ares Qua 16 Jun 2021, 18:49

O problema dos suplementos e aumentos é exactamente esse. Devia-se aumentar pelo valor (por exemplo 100€ a todos) em vez de ser com percentagens. Era muito mais justo e barato para quem paga.
só ares
só ares
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 45
Profissão : GNR, agora não sei se Guarda, Guarda Principal ou Cabo
Nº de Mensagens : 1657
Mensagem : Só quem bebe tem a certeza absoluta que o mundo gira
Meu alistamento : 99 - Portalegre, 6 Curso Fiscal e 6 Curso SEPNA

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por toinojaquim Qui 17 Jun 2021, 10:18

fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
fvalerio escreveu:

Então diga-me lá qual é o ordenado mínimo nesses países? A subida do nosso salário mínimo nos últimos anos é a mando de quem? E quando fala em indexação de salários ao ordenado mínimo não é o seu ou o meu é a média do salário na função. Sabe quantos ordenados mínimos ganha um capitão ou um major? Portugal sobrevive de subsídios da europa, é um país de pobres armados em ricos e em como todos os países pobres temos os que mamam tudo e os que não mamam nada.
Desculpe lá, mas ou eu não percebi as suas perguntas ou o Camarada não percebeu as minhas afirmações...

Nos temos um vencimento que está inserido na tabela da função pública. Vencimento esse que tem níveis. No caso da GNR Começa no 7(Guarda) e acaba no 73( ultimo escalão de Tenente General) até aqui tudo correcto, existem desigualdades como a sobreposição de niveis mas deixando isso de lado é uma hierarquia nos vencimentos que alguem achou justo.

Depois temos o chamado Suplemento das Forças de Segurança que paga 20% do Vencimento Base + uma base fixa de 31 Euros. Isto faz com que o Guarda no nível 7 receba pouco mais de 185 euros e o Tenente General receba 870 Euros

Percebemos então que é insustentável aumentar o nosso vencimento porque acarreta no topo da pirâmide aumentos significativos camuflados por este suplemento. São estes pormenores de que ninguém fala ou não interessa falar.

Quanto as perguntas que fiz foram em resposta a afirmação do "até o nosso salário deveria ser à percentagem do salario mínimo" e sim concordo consigo mas antes tem de acabar o suplemento à percentagem do nosso vencimento que é apenas uma bola de neve para benefício de alguns
Ora aí está! tudo dito! Esta é a verdade. Estas são as contas que as nossas associações não sabem fazer... ou não querem!
toinojaquim
toinojaquim
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 487
Mensagem : " As massas nunca se elevam ao padrão do seu melhor membro, pelo contrário, degradam-se ao nível do pior"
Meu alistamento : 2003 Portalegre


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por moralez Qui 17 Jun 2021, 13:50

fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
fvalerio escreveu:

Então diga-me lá qual é o ordenado mínimo nesses países? A subida do nosso salário mínimo nos últimos anos é a mando de quem? E quando fala em indexação de salários ao ordenado mínimo não é o seu ou o meu é a média do salário na função. Sabe quantos ordenados mínimos ganha um capitão ou um major? Portugal sobrevive de subsídios da europa, é um país de pobres armados em ricos e em como todos os países pobres temos os que mamam tudo e os que não mamam nada.
Desculpe lá, mas ou eu não percebi as suas perguntas ou o Camarada não percebeu as minhas afirmações...

Nos temos um vencimento que está inserido na tabela da função pública. Vencimento esse que tem níveis. No caso da GNR Começa no 7(Guarda) e acaba no 73( ultimo escalão de Tenente General) até aqui tudo correcto, existem desigualdades como a sobreposição de niveis mas deixando isso de lado é uma hierarquia nos vencimentos que alguem achou justo.

Depois temos o chamado Suplemento das Forças de Segurança que paga 20% do Vencimento Base + uma base fixa de 31 Euros. Isto faz com que o Guarda no nível 7 receba pouco mais de 185 euros e o Tenente General receba 870 Euros

Percebemos então que é insustentável aumentar o nosso vencimento porque acarreta no topo da pirâmide aumentos significativos camuflados por este suplemento. São estes pormenores de que ninguém fala ou não interessa falar.

Quanto as perguntas que fiz foram em resposta a afirmação do "até o nosso salário deveria ser à percentagem do salario mínimo" e sim concordo consigo mas antes tem de acabar o suplemento à percentagem do nosso vencimento que é apenas uma bola de neve para benefício de alguns
Então mas o que me interessa a mim, como Guarda, quanto um General recebe? É preocupação que não me assste. Mas, respondendo a isso, o mal é temos dezenas de Generais a ganhar muito. Se se diminuísse o número de Generais, o problema ficava resolvido.
Mais, a nossa Tabela salarial já é uma bola de neve, só que é uma bola de neve muito lenta. Muito mesmo.
Mais ainda, está preocupado com o vencimebto do generalato quando há milhares de milhões a serem enterrados anualmente para salvar bancos, TAP's e afins....
moralez
moralez
Moderador
Moderador

Masculino
Idade : 37
Profissão : Militar G.N.R.
Nº de Mensagens : 6570
Meu alistamento : 2004

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por fvalerio Qui 17 Jun 2021, 17:33

moralez escreveu:
fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
Desculpe lá, mas ou eu não percebi as suas perguntas ou o Camarada não percebeu as minhas afirmações...

Nos temos um vencimento que está inserido na tabela da função pública. Vencimento esse que tem níveis. No caso da GNR Começa no 7(Guarda) e acaba no 73( ultimo escalão de Tenente General) até aqui tudo correcto, existem desigualdades como a sobreposição de niveis mas deixando isso de lado é uma hierarquia nos vencimentos que alguem achou justo.

Depois temos o chamado Suplemento das Forças de Segurança que paga 20% do Vencimento Base + uma base fixa de 31 Euros. Isto faz com que o Guarda no nível 7 receba pouco mais de 185 euros e o Tenente General receba 870 Euros

Percebemos então que é insustentável aumentar o nosso vencimento porque acarreta no topo da pirâmide aumentos significativos camuflados por este suplemento. São estes pormenores de que ninguém fala ou não interessa falar.

Quanto as perguntas que fiz foram em resposta a afirmação do "até o nosso salário deveria ser à percentagem do salario mínimo" e sim concordo consigo mas antes tem de acabar o suplemento à percentagem do nosso vencimento que é apenas uma bola de neve para benefício de alguns
Então mas o que me interessa a mim, como Guarda, quanto um General recebe? É preocupação que não me assste. Mas, respondendo a isso, o mal é temos dezenas de Generais a ganhar muito. Se se diminuísse o número de Generais, o problema ficava resolvido.
Mais, a nossa Tabela salarial já é uma bola de neve, só que é uma bola de neve muito lenta. Muito mesmo.
Mais ainda, está preocupado com o vencimebto do generalato quando há milhares de milhões a serem enterrados anualmente para salvar bancos, TAP's e afins....
Se lhe interessa a si como Guarda, quantos milhares de milhões são enterrados anualmente para salvar bancos, TAP's pode discutir isso onde quiser. A mim isso só me interessa como cidadão. Como Guarda preocupa-me o que se passa dentro da instituição enquanto são cozinhados estatutos e diplomas com subsídios de risco.


Este é o significado do mesmo "O suplemento por serviço nas forças de segurança é um acréscimo remuneratório mensal atribuído ao pessoal em efectividade de serviço com fundamento no regime especial da prestação de serviço, no ónus e restrições específicas da função policial, no risco, penosidade e disponibilidade permanente"

Não estou preocupado com o vencimento de Generais, dei um mero exemplo e utilizei o primeiro e o ultimo escalão porque é onde existe maior diferença como é óbvio, o suplemento é transversal. Mas vou deixando os Gerenais de parte e segundo a definição do suplemento alguém me consegue explicar porque é que um Cabo-mor ganha mais de SFS que um Guarda?
fvalerio
fvalerio
Guarda Provisório
Guarda Provisório

Masculino
Idade : 34
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 31
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por moralez Qui 17 Jun 2021, 18:53

fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
fvalerio escreveu:

Nos temos um vencimento que está inserido na tabela da função pública. Vencimento esse que tem níveis. No caso da GNR Começa no 7(Guarda) e acaba no 73( ultimo escalão de Tenente General) até aqui tudo correcto, existem desigualdades como a sobreposição de niveis mas deixando isso de lado é uma hierarquia nos vencimentos que alguem achou justo.

Depois temos o chamado Suplemento das Forças de Segurança que paga 20% do Vencimento Base + uma base fixa de 31 Euros. Isto faz com que o Guarda no nível 7 receba pouco mais de 185 euros e o Tenente General receba 870 Euros

Percebemos então que é insustentável aumentar o nosso vencimento porque acarreta no topo da pirâmide aumentos significativos camuflados por este suplemento. São estes pormenores de que ninguém fala ou não interessa falar.

Quanto as perguntas que fiz foram em resposta a afirmação do "até o nosso salário deveria ser à percentagem do salario mínimo" e sim concordo consigo mas antes tem de acabar o suplemento à percentagem do nosso vencimento que é apenas uma bola de neve para benefício de alguns
Então mas o que me interessa a mim, como Guarda, quanto um General recebe? É preocupação que não me assste. Mas, respondendo a isso, o mal é temos dezenas de Generais a ganhar muito. Se se diminuísse o número de Generais, o problema ficava resolvido.
Mais, a nossa Tabela salarial já é uma bola de neve, só que é uma bola de neve muito lenta. Muito mesmo.
Mais ainda, está preocupado com o vencimebto do generalato quando há milhares de milhões a serem enterrados anualmente para salvar bancos, TAP's e afins....
[size=32]Se lhe interessa a si como Guarda, quantos[/size][size=32] milhares de milhões são enterrados anualmente para salvar bancos, TAP's pode discutir isso onde quiser. A mim isso só me interessa como cidadão.[/size][size=32] Como Guarda preocupa-me o que se passa dentro da instituição enquanto são cozinhados estatutos e diplomas com subsídios de risco.[/size]


[size=32]Este é o significado do mesmo "[/size]O suplemento por serviço nas forças de segurança é um acréscimo remuneratório mensal atribuído ao pessoal em efectividade de serviço com fundamento no regime especial da prestação de serviço, no ónus e restrições específicas da função policial, no risco, penosidade e disponibilidade permanente"

[size=32]Não estou preocupado com o vencimento de Generais, dei um mero exemplo e utilizei o primeiro e o ultimo escalão porque é onde existe maior diferença como é óbvio, o suplemento é transversal. Mas vou deixando os Gerenais de parte e segundo a definição do suplemento[/size][size=32] alguém me consegue explicar porque é que um Cabo-mor ganha mais de SFS que um Guarda?[/size]
A mim interessa-me como Guarda e como Cidadão. Sou ambos. Sendo Guarda faço os meus descontos como cidadão também. Portanto trago o previlégio de poder opinar e sentir ambas as "camisolas".
Mas repare que eu nem sequer falei sobre o sub.risco ou o das FFSS. Falei no Vencimento Base. Se quiser trazer à baila que o suplemento FFSS aumenta por arrasto, era uma questão de fazer o inverso a criar uma tabela única para o suplemento.
moralez
moralez
Moderador
Moderador

Masculino
Idade : 37
Profissão : Militar G.N.R.
Nº de Mensagens : 6570
Meu alistamento : 2004

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por fvalerio Qui 17 Jun 2021, 19:24

moralez escreveu:
fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
Então mas o que me interessa a mim, como Guarda, quanto um General recebe? É preocupação que não me assste. Mas, respondendo a isso, o mal é temos dezenas de Generais a ganhar muito. Se se diminuísse o número de Generais, o problema ficava resolvido.
Mais, a nossa Tabela salarial já é uma bola de neve, só que é uma bola de neve muito lenta. Muito mesmo.
Mais ainda, está preocupado com o vencimebto do generalato quando há milhares de milhões a serem enterrados anualmente para salvar bancos, TAP's e afins....
Se lhe interessa a si como Guarda, quantos milhares de milhões são enterrados anualmente para salvar bancos, TAP's pode discutir isso onde quiser. A mim isso só me interessa como cidadão. Como Guarda preocupa-me o que se passa dentro da instituição enquanto são cozinhados estatutos e diplomas com subsídios de risco.


Este é o significado do mesmo "O suplemento por serviço nas forças de segurança é um acréscimo remuneratório mensal atribuído ao pessoal em efectividade de serviço com fundamento no regime especial da prestação de serviço, no ónus e restrições específicas da função policial, no risco, penosidade e disponibilidade permanente"

Não estou preocupado com o vencimento de Generais, dei um mero exemplo e utilizei o primeiro e o ultimo escalão porque é onde existe maior diferença como é óbvio, o suplemento é transversal. Mas vou deixando os Gerenais de parte e segundo a definição do suplemento alguém me consegue explicar porque é que um Cabo-mor ganha mais de SFS que um Guarda?
A mim interessa-me como Guarda e como Cidadão. Sou ambos. Sendo Guarda faço os meus descontos como cidadão também. Portanto trago o previlégio de poder opinar e sentir ambas as "camisolas".
Mas repare que eu nem sequer falei sobre o sub.risco ou o das FFSS. Falei no Vencimento Base. Se quiser trazer à baila que o suplemento FFSS aumenta por arrasto, era uma questão de fazer o inverso a criar uma tabela única para o suplemento.

"Se quiser trazer à baila que o suplemento FFSS aumenta por arrasto, era uma questão de..."

Basta ler e interpretar


"é insustentável aumentar o nosso vencimento porque acarreta no topo da pirâmide aumentos significativos camuflados por este suplemento."
fvalerio
fvalerio
Guarda Provisório
Guarda Provisório

Masculino
Idade : 34
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 31
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por moralez Qui 17 Jun 2021, 20:48

fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
fvalerio escreveu:
Se lhe interessa a si como Guarda, quantos milhares de milhões são enterrados anualmente para salvar bancos, TAP's pode discutir isso onde quiser. A mim isso só me interessa como cidadão. Como Guarda preocupa-me o que se passa dentro da instituição enquanto são cozinhados estatutos e diplomas com subsídios de risco.


Este é o significado do mesmo "O suplemento por serviço nas forças de segurança é um acréscimo remuneratório mensal atribuído ao pessoal em efectividade de serviço com fundamento no regime especial da prestação de serviço, no ónus e restrições específicas da função policial, no risco, penosidade e disponibilidade permanente"

Não estou preocupado com o vencimento de Generais, dei um mero exemplo e utilizei o primeiro e o ultimo escalão porque é onde existe maior diferença como é óbvio, o suplemento é transversal. Mas vou deixando os Gerenais de parte e segundo a definição do suplemento alguém me consegue explicar porque é que um Cabo-mor ganha mais de SFS que um Guarda?
A mim interessa-me como Guarda e como Cidadão. Sou ambos. Sendo Guarda faço os meus descontos como cidadão também. Portanto trago o previlégio de poder opinar e sentir ambas as "camisolas".
Mas repare que eu nem sequer falei sobre o sub.risco ou o das FFSS. Falei no Vencimento Base. Se quiser trazer à baila que o suplemento FFSS aumenta por arrasto, era uma questão de fazer o inverso a criar uma tabela única para o suplemento.

"Se quiser trazer à baila que o suplemento FFSS aumenta por arrasto, era uma questão de..."

Basta ler e interpretar


"é insustentável aumentar o nosso vencimento porque acarreta no topo da pirâmide aumentos significativos camuflados por este suplemento."
Mas qualquer aumento que haja, seja à percentagem do SM ou atualização das tabelas, esse aumento vai ser sempre maior no topo da pirâmide. Não há volta a dar .
Mas, eu acho que já me expliquei bem e não me vou alongar mais nisto. Se o Camarada acha que isto não seria exequível, é a sua opinião. E, na minha opinião, era a forma mais justo dos nossos vencimentos se manterem atualizados. Quero cá eu saber se, para eu ganhar mais 100, o General vai ganhar mais 200. A minha casa governo eu.
moralez
moralez
Moderador
Moderador

Masculino
Idade : 37
Profissão : Militar G.N.R.
Nº de Mensagens : 6570
Meu alistamento : 2004

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por toinojaquim Sex 18 Jun 2021, 16:37

moralez escreveu:
fvalerio escreveu:
moralez escreveu:
A mim interessa-me como Guarda e como Cidadão. Sou ambos. Sendo Guarda faço os meus descontos como cidadão também. Portanto trago o previlégio de poder opinar e sentir ambas as "camisolas".
Mas repare que eu nem sequer falei sobre o sub.risco ou o das FFSS. Falei no Vencimento Base. Se quiser trazer à baila que o suplemento FFSS aumenta por arrasto, era uma questão de fazer o inverso a criar uma tabela única para o suplemento.

"Se quiser trazer à baila que o suplemento FFSS aumenta por arrasto, era uma questão de..."

Basta ler e interpretar


"é insustentável aumentar o nosso vencimento porque acarreta no topo da pirâmide aumentos significativos camuflados por este suplemento."
Mas qualquer aumento que haja, seja à percentagem do SM ou atualização das tabelas, esse aumento vai ser sempre maior no topo da pirâmide. Não há volta a dar .
Mas, eu acho que já me expliquei bem e não me vou alongar mais nisto. Se o Camarada acha que isto não seria exequível, é a sua opinião. E, na minha opinião, era a forma mais justo dos nossos vencimentos se manterem atualizados. Quero cá eu saber se, para eu ganhar mais 100, o General vai ganhar mais 200. A minha casa governo eu.
Concordo com tudo! Se um guarda for aumentado 10€ por equivalência um general é aumentado 100€ No final uma grande percentagem é assimilada pelo topo da carreira. No total é muito dinheiro mas sem efeitos práticos na classe de Guarda! Ao fazer estas contas, o governo só assimila o final e recua.
toinojaquim
toinojaquim
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 487
Mensagem : " As massas nunca se elevam ao padrão do seu melhor membro, pelo contrário, degradam-se ao nível do pior"
Meu alistamento : 2003 Portalegre


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por só ares Sex 18 Jun 2021, 18:12

Por isso mesmo acho que nenhum subsídio devia ser à percentagem. Era só valor. Aumentava-se, por exemplo, 100€ para todos. Desde o guarda ao general era 100
só ares
só ares
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 45
Profissão : GNR, agora não sei se Guarda, Guarda Principal ou Cabo
Nº de Mensagens : 1657
Mensagem : Só quem bebe tem a certeza absoluta que o mundo gira
Meu alistamento : 99 - Portalegre, 6 Curso Fiscal e 6 Curso SEPNA

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por NIC Sab 19 Jun 2021, 23:02

PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros - Página 2 Img_2010
NIC
NIC
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 54
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 818
Meu alistamento : 1990

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Guarda que anda à linha Seg 21 Jun 2021, 17:18

Não consigo compreender esta obsessão com o subsídio de risco quando já recebemos um suplemento que compensa o risco.

Decreto-Lei n.º 298/2009 de 14 de Outubro sistema remuneratório dos militares da Guarda Nacional Republicana https://dre.pt/web/guest/pesquisa/-/search/491436/details/normal?l=1

Artigo 20.º
Suplemento por serviço nas forças de segurança

1 - O suplemento por serviço nas forças de segurança é um acréscimo remuneratório mensal atribuído aos militares da Guarda em efectividade de serviço com fundamento no regime especial da prestação de serviço, no ónus e restrições específicas das funções de segurança, no risco, penosidade e disponibilidade permanente, composto da seguinte forma:

Uma coisa é lutar por melhores condições salariais, vencimento base, e com a justeza/justiça nas subidas de escalão, como por exemplo vigoravam nos estatutos anteriores sem estar sujeito à avaliação. Agora, andarem constantemente e obsessivamente a falar no subsídio de risco quando já temos um suplemento que contempla o risco, pelo amor de Deus, assim não vamos lá.

Por outro lado, enquanto gastam forças e denigrem a nossa imagem junto da opinião pública com a questão do subsídio de risco, enquanto isso, assistimos impávidos e serenos à maior machadada que nos foi dada por um governo (em 2017 novo estatuto e DL das reformas) ainda por cima de esquerda, que ainda conseguiu ser mais papista que o governo de direita no tempo da Troika foi, que é a situação de reserva e reforma. Em que agora, já nem aos 60 anos de idade se pode passar à reforma sem qualquer tipo de corte ou penalização, justamente o que o governo do tempo da Troika tinha salvaguardado nos estatutos dos militares das FA e dos agentes da PSP, que entraram em vigor em 2015.

Ao pessoal que tem agora mais ou menos, menos de 50 anos de idade, o que é que estão à espera para alertar e para lutar sobre este embuste e sobre esta questão, que os vai obrigar a trabalhar mais anos, com vencimentos mais baixos, e com reformas (já calculadas sobre vencimentos mais baixos) sujeitas a cortes brutais e que irão resultar em reformas de miséria. Estão à espera de chegar aos 60 anos de idade, ainda no serviço activo, desgastados, atraiçoados, espoliados e chupados até ao tutano sobre os elementares direitos, já sem forças, já de bengala e de algália, para depois, ali chegados, lutarem então? Ou será que estão a pensar que essa fase das vossas vidas nunca irá chegar?   
Guarda que anda à linha
Guarda que anda à linha
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 55
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 1713
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por mimsy Ter 22 Jun 2021, 11:14

Guarda que anda à linha escreveu:
Não consigo compreender esta obsessão com o subsídio de risco quando já recebemos um suplemento que compensa o risco.
Decreto-Lei n.º 298/2009 de 14 de Outubro sistema remuneratório dos militares da Guarda Nacional Republicana https://dre.pt/web/guest/pesquisa/-/search/491436/details/normal?l=1
Artigo 20.º
Suplemento por serviço nas forças de segurança
1 - O suplemento por serviço nas forças de segurança é um acréscimo remuneratório mensal atribuído aos militares da Guarda em efectividade de serviço com fundamento no regime especial da prestação de serviço, no ónus e restrições específicas das funções de segurança, no risco, penosidade e disponibilidade permanente, composto da seguinte forma:
Uma coisa é lutar por melhores condições salariais, vencimento base, e com a justeza/justiça nas subidas de escalão, como por exemplo vigoravam nos estatutos anteriores sem estar sujeito à avaliação. Agora, andarem constantemente e obsessivamente a falar no subsídio de risco quando já temos um suplemento que contempla o risco, pelo amor de Deus, assim não vamos lá.
Por outro lado, enquanto gastam forças e denigrem a nossa imagem junto da opinião pública com a questão do subsídio de risco, enquanto isso, assistimos impávidos e serenos à maior machadada que nos foi dada por um governo (em 2017 novo estatuto e DL das reformas) ainda por cima de esquerda, que ainda conseguiu ser mais papista que o governo de direita no tempo da Troika foi, que é a situação de reserva e reforma. Em que agora, já nem aos 60 anos de idade se pode passar à reforma sem qualquer tipo de corte ou penalização, justamente o que o governo do tempo da Troika tinha salvaguardado nos estatutos dos militares das FA e dos agentes da PSP, que entraram em vigor em 2015.
Ao pessoal que tem agora mais ou menos, menos de 50 anos de idade, o que é que estão à espera para alertar e para lutar sobre este embuste e sobre esta questão, que os vai obrigar a trabalhar mais anos, com vencimentos mais baixos, e com reformas (já calculadas sobre vencimentos mais baixos) sujeitas a cortes brutais e que irão resultar em reformas de miséria. Estão à espera de chegar aos 60 anos de idade, ainda no serviço activo, desgastados, atraiçoados, espoliados e chupados até ao tutano sobre os elementares direitos, já sem forças, já de bengala e de algália, para depois, ali chegados, lutarem então? Ou será que estão a pensar que essa fase das vossas vidas nunca irá chegar?   
Pode perguntar à polícia judiciária se eles dispensam a "obsessão" que lhe é atribuída......


"Artigo 161.º
Suplemento de risco
1 – O pessoal dirigente e de chefia, enquanto no exercício de tais funções, mantém o direito a suplemento de risco de montante igual ao fixado à data da entrada em vigor deste diploma.
2 – O montante do suplemento referido no número anterior é actualizável nos termos gerais previstos para a actualização anual da função pública.
3 – O restante pessoal da Polícia Judiciária mantém o direito ao suplemento de risco segundo o critério em vigor à data da entrada em vigor do presente diploma, até à regulamentação prevista no artigo 91.º
4 – O disposto nos números anteriores é aplicável ao pessoal que, à data da entrada em vigor do presente diploma, se encontre a desempenhar funções na Polícia Judiciária em regime de requisição."
mimsy
mimsy
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 40
Profissão : Militar GNR
Nº de Mensagens : 884
Meu alistamento : AIP

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Gif Ter 22 Jun 2021, 12:25

O problema dos salários em portugal nunca acompanharam verdadeiramente a inflação, e hoje a receber mais que antigamente estamos na realidade a receber menos proporcionalmente.
Se os salários tivessem crescido em vez de diminuírem ao longo dos anos, não estávamos agora a discutir subsídios. 
O salário só por si, devia contemplar na totalidade o valor da profissão, sem necessidade de subsídios disto e daquilo. É que depois para o apuramento da reforma os subsídios não contam e depois vão chegar a conclusão que recebem uma miséria de reforma, quando faltarem os "bem ditos" subsídios.
Gif
Gif
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 43
Profissão : tratorista
Nº de Mensagens : 451
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Guarda que anda à linha Ter 22 Jun 2021, 12:32

Pois ó mimsy mas o pessoal da PJ tem o subsídio de risco e não tem o SSFS, o pessoal da GNR têm o suplemento por serviço nas forças de segurança, que já contempla o risco. Ou seja, estarão mais ou menos equiparados.
Entendo que para si deve ser mais importante o subsídio de risco (este que se fala agora e que irá levar à eliminação de outros suplementos) apesar de neste momento já receber um suplemento (o SSFS) que contempla isso, o risco, do que a questão da problemática da reforma e do que a ela tudo associado diz respeito. OK, são opções e prioridades. Mas, não se esqueça de uma coisa que os velhinhos (velhinhos esses que já foram embora com condições muito mais favoráveis do que as que eu vou ter um dia, e olhe que eu já tenho 55 anos de idade, e esses velhinhos não foram embora com 55 anos de idade, foram embora muito antes dessa idade) diziam quando eu vim pra cá, e que era: “militar… também lá chegarás… e olha que nessa altura/idade também teremos muitos encargos pela frente e que teremos que suportar, como por exemplo as despesas com saúde, e olha que é em novo é que se luta pelas condições que irás ter em velho, não é quando fores velho, porque nessa altura já ninguém quer saber de ti, a não ser que não tenhas o desejo ou a pretensão de lá chegar também…”
Guarda que anda à linha
Guarda que anda à linha
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 55
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 1713
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por só ares Ter 22 Jun 2021, 13:59

Proposta que o governo apresentou PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros - Página 2 712b0110
PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros - Página 2 Cf0e6410
PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros - Página 2 A52aba10
só ares
só ares
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 45
Profissão : GNR, agora não sei se Guarda, Guarda Principal ou Cabo
Nº de Mensagens : 1657
Mensagem : Só quem bebe tem a certeza absoluta que o mundo gira
Meu alistamento : 99 - Portalegre, 6 Curso Fiscal e 6 Curso SEPNA

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Lynx Ter 22 Jun 2021, 14:35

Valores??
Lynx
Lynx
Alferes
Alferes

Masculino
Idade : 43
Profissão : GUARDA
Nº de Mensagens : 3665
Mensagem : so vence quem acredita na vitoria

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Guarda que anda à linha Ter 22 Jun 2021, 14:46

GNR e PSP dentro do mesmo DL, pela primeira vez, quando nestas matérias estiveram sempre separadas? Péssima ideia, mau demais para a GNR.
Aos poucos, e com a conivência de alguns, vão cavando a sua sepultura.
Guarda que anda à linha
Guarda que anda à linha
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 55
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 1713
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por só ares Ter 22 Jun 2021, 14:54

Oki Lynx escreveu:Valores??
Não dizem. Mas pelo que dizem é para reorganizar os subsídios todos. Ou seja vai mudar o nome é continua tudo na mesma
só ares
só ares
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 45
Profissão : GNR, agora não sei se Guarda, Guarda Principal ou Cabo
Nº de Mensagens : 1657
Mensagem : Só quem bebe tem a certeza absoluta que o mundo gira
Meu alistamento : 99 - Portalegre, 6 Curso Fiscal e 6 Curso SEPNA

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por msm Ter 22 Jun 2021, 17:22

Qual é o montante do subsidio de risco da PJ, alguem sabe?
msm
msm
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 50
Profissão : PSP
Nº de Mensagens : 1665
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por jomarabu Ter 22 Jun 2021, 17:44

20% da remuneração base mensal do respectivo cargo.
jomarabu
jomarabu
Sargento-Chefe
Sargento-Chefe

Masculino
Idade : 44
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 2010
Mensagem : "Temos de aprender a viver todos como irmãos ou morreremos todos como loucos.”
in Marter Luther King
Meu alistamento : EPG -AIP /2002

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Lynx Ter 22 Jun 2021, 17:49

O base deles e bem mais alto que o nosso
Lynx
Lynx
Alferes
Alferes

Masculino
Idade : 43
Profissão : GUARDA
Nº de Mensagens : 3665
Mensagem : so vence quem acredita na vitoria

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por HULK83 Ter 22 Jun 2021, 18:11

msm escreveu:Qual é o montante do subsidio de risco da PJ, alguem sabe?
São cerca de 420€
HULK83
HULK83
Cabo-Mor
Cabo-Mor

Masculino
Idade : 37
Profissão : militar gnr
Nº de Mensagens : 359

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por HULK83 Ter 22 Jun 2021, 18:13

Se já está contemplado um valor era só adicionar nas forças de segurança não precisavam de criar nada de novo...
HULK83
HULK83
Cabo-Mor
Cabo-Mor

Masculino
Idade : 37
Profissão : militar gnr
Nº de Mensagens : 359

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por jomarabu Ter 22 Jun 2021, 18:15

Inspetor em início de carreira ganha cerca de 1500€.
Anda perto dos 450€ de subsídio risco .
jomarabu
jomarabu
Sargento-Chefe
Sargento-Chefe

Masculino
Idade : 44
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 2010
Mensagem : "Temos de aprender a viver todos como irmãos ou morreremos todos como loucos.”
in Marter Luther King
Meu alistamento : EPG -AIP /2002

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Numiango Ter 22 Jun 2021, 18:38

Guarda que anda à linha escreveu:
GNR e PSP dentro do mesmo DL, pela primeira vez, quando nestas matérias estiveram sempre separadas? Péssima ideia, mau demais para a GNR.
Aos poucos, e com a conivência de alguns, vão cavando a sua sepultura.
Estiveram sempre separadas?.. 
Então os suplementos (patrulha, escala, fardamento, forças de segurança, investigação, etc) não são iguais da PSP e GNR?
Numiango
Numiango
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 44
Profissão : Militar GNR
Nº de Mensagens : 548
Mensagem : ....Não substimem o poder da Tartaruga...
Meu alistamento : 1º Alistamento de 1996
Curso Cabos 1999-2000(Ultimo na E.P.Queluz)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Guarda que anda à linha Ter 22 Jun 2021, 19:10

Numiango escreveu:
Guarda que anda à linha escreveu:
GNR e PSP dentro do mesmo DL, pela primeira vez, quando nestas matérias estiveram sempre separadas? Péssima ideia, mau demais para a GNR.
Aos poucos, e com a conivência de alguns, vão cavando a sua sepultura.
Estiveram sempre separadas?.. 
Então os suplementos (patrulha, escala, fardamento, forças de segurança, investigação, etc) não são iguais da PSP e GNR?

Sim, estiveram sempre separadas, não sabia? Cada uma com a sua legislação (lei/DL etc.), independentemente de que suplemento fosse. E alguns suplementos também não são iguais, até porque a PSP não têm armas, cavalaria, GIPS, não faz serviço no mar, no ar etc. como a GNR tem e faz. E nesta matéria também estiveram sempre separadas, um DL para as instituições militares/militarizadas https://dre.pt/home/-/dre/105711788/details/maximized e outro DL para as instituições civis https://dre.pt/home/-/dre/105711789/details/maximized
E continuo a garantir-lhe uma coisa. Nestas matérias, entre outras, é bom que continuem a estar separadas, até porque uma é militar e outra é civil. Porque, apesar das machadadas que uma e outra têm levado desde há uns anos a esta parte, quando deixarem de estar separadas, adivinhe lá quem é que vai ficar pior do que o que já está hoje.
Guarda que anda à linha
Guarda que anda à linha
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 55
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 1713
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por toinojaquim Qua 23 Jun 2021, 10:59

Sou Militar da GNR desde 2003 e estas foram as contas que aprendi a fazer: 0+0=0
toinojaquim
toinojaquim
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 487
Mensagem : " As massas nunca se elevam ao padrão do seu melhor membro, pelo contrário, degradam-se ao nível do pior"
Meu alistamento : 2003 Portalegre


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Pato Qua 23 Jun 2021, 13:44

Os 2030 são os f@didos da GNR.. é normal
Pato
Pato
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 39
Profissão : Militar da ex-GNR/BT(extinta)... de luto.. faz tu!!!
Nº de Mensagens : 910
Mensagem : \"Ranger\" vontade e valor... - Lamego \"Os furões\"


Meu alistamento : 2030- EPG/GIA, - AIP - Curso de Trânsito.

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Morgado Qua 23 Jun 2021, 15:37

excelente proposta gostei da criação de níveis consoante a atividade e penosidade quando sair o dl (feito e elaborado pelos experts do nosso maravilhoso pais) vou ver onde se ganha mais e ver se vale a pena mudar para esses locais (possivelmente não vão por os locais onde tem mais ciganos pois isso seria politicamente incorreto) e sendo assim vou poder ter mais do que um filho (como os restantes desgraçados e mal tratados da nossa sociedade que só vivem de subsídios do estado)
Morgado
Morgado
Cabo
Cabo

Masculino
Idade : 50
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 158
Meu alistamento : 1995

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por CEC91 Qua 30 Jun 2021, 11:38

Estamos no último dia de Junho, novidades?
CEC91
CEC91
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 52
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 1175
Mensagem :
Se nem Deus agradou a todos!!! Imaginem eu!!!!



Meu alistamento : 1991-03-04


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por COELHO.X Qua 30 Jun 2021, 12:48

CEC91 escreveu:Estamos no último dia de Junho, novidades?
Infelizmente 000000!!!
Desde o início nao acredito em nada disto, somos vistos como obdientes e servos, aceitando tudo o que nos colocam a frente, portanto, resultado000000!!
COELHO.X
COELHO.X
Capitão
Capitão

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 5570
Mensagem : Passam Céleres Altivos e Impenetráveis..é a Cavalaria que Passa!
"Para ter inimigos, não precisa declarar guerras, apenas diga o que pensa..."

Martin Luther King

Meu alistamento : (1999) Século Passado!!Há pois é.


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por CFO2000 Qua 30 Jun 2021, 13:06

COELHO.X escreveu:
CEC91 escreveu:Estamos no último dia de Junho, novidades?
Infelizmente 000000!!!
Desde o início nao acredito em nada disto, somos vistos como obdientes e servos, aceitando tudo o que nos colocam a frente, portanto, resultado000000!!
000 tem de ser a nossa resposta durante o trabalho.
CFO2000
CFO2000
2º Sargento
2º Sargento

Feminino
Idade : 46
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 593
Meu alistamento : O melhor de sempre

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por falcão Qua 30 Jun 2021, 13:11

https://www.jn.pt/justica/governo-propoe-subsidio-de-risco-ate-68-euros-para-policias-13890065.html

O Governo apresentou esta quarta-feira uma proposta de subsídio de risco para as forças de segurança, numa reunião com os sindicatos da PSP e GNR, com valores entre os 48 e os 68 euros. Polícias, que esperavam valores superiores, afirmam que proposta é "ultrajante e vergonhosa".

Sindicatos e Governo já haviam reunido noutras ocasiões, mas até hoje ficou por saber qual o montante a atribuir à GNR e PSP.

Em abril, diversos sindicatos e associações profissionais das forças de segurança defenderam que o valor do subsídio de risco para as forças de segurança deveria rondar os 340 euros.
Esse valor serviria de base para as negociações com o Governo sobre a atribuição do subsídio de risco para as forças de segurança, que teria de estar concretizado até ao fim de junho, tal como está previsto no Orçamento do Estado deste ano.
No entanto, os valores apresentados hoje pelo Governo ficaram muito aquém do esperado pelos sindicatos. O Sindicato Nacional da Polícia já reagiu ao JN: "Perante a proposta apresentada pelo governo de 68,96 euros de suplemento de Risco para quem recebe o suplemento de patrulha, 58,96 para quem recebe o suplemento de comando e 48,96 euros para os restantes polícias, que se diga ainda serão sujeitos a impostos, o SINAPOL considera que a proposta do governo é ultrajante e vergonhosa, não reflete o justo valor que os profissionais da PSP merecem", lamentam os polícias.

O sindicato considera ainda "inaceitável" que o Governo considere pagar esses montantes "quando sabe o SINAPOL que esse valor é muito inferior ao valor que é pago a outros profissionais de polícia em Portugal, nomeadamente 340 euros mensais aos colegas da Polícia Judiciária".

Por considerar o montante "altamente discriminativo e injusto", o SINAPOL "já comunicou formalmente que não fará ou assinará qualquer acordo coletivo com o valor apresentado e entregou aos representantes do Governo o pedido de Negociação Suplementar, previsto nos termos da Lei Sindical da PSP, para que tão breve quanto possível se inicie uma nova negociação, no sentido de ser apresentado um valor de Suplemento de Risco que reflita uma proposta séria e que vá ao encontro com os riscos inerentes à profissão policial, em igualdade de circunstâncias de outros colegas polícias que em Portugal já auferem um Suplemento de Risco".

Migalhas inaceitáveis

Também o Sindicato Independente dos Agentes da Polícia (SIAP) descrevem a proposta como "miserável, ultrajante e vergonhosa". "Uma proposta de trocos, migalhas, gorjeta. Estas são as únicas palavras que definem estes valores a acrescentar ao suplemento das forças de segurança", refere o SIAP.

Este sindicado revela que o Governo avançou, na reunião desta quarta-feira, com "promessas de uma reformulação dos suplementos e subsídios, que pode levar a uma melhoria dos ordenados". Contudo, para o SIAP tudo não passa de "jogos políticos para empatar e iludir" os polícias. Verificámos um total desprezo pelas forças de segurança", conclui.

Já o Sindicato dos Profissionais da Polícia (SPP) garante que só não abandonou a reunião "por respeito aos sócios", uma vez que, defende, o Governo, ao apresentar um subsídio de risco a rondar os 70 de euros, "não merece a presença" no encontro. "Inaceitável" é a palavra escolhida pelo SPP para classificar a proposta do Ministério da Administração Interna. "O Governo não respeita os polícias que, durante 24 horas e sete dias por semana, executam a sua atividade em risco permanente", afirma.
falcão
falcão
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 41
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 435
Meu alistamento : na casa mãe da cavalaria Portuguesa


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Fenixx Qua 30 Jun 2021, 13:25

Sé me apetece rir e chorar ao mesmo tempo......e ainda há camaradas patrulheiros que estão contentes e bajulam os comandantes com autos e a afins...estes são aqueles em que a GNR é um obi de certeza.
Fenixx
Fenixx
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 44
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 1397
Meu alistamento : 2001

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Guarda que anda à linha Qua 30 Jun 2021, 13:43

Meus Senhores, não sejam anjinhos. Os militares da GNR já têm um suplemento que contempla o risco, deixem-se de lutar por coisas sem sentido.
 
Decreto-Lei n.º 298/2009 de 14 de Outubro sistema remuneratório dos militares da Guarda Nacional Republicana    
https://dre.pt/web/guest/pesquisa/-/search/491436/details/normal?l=1
Artigo 20.º
Suplemento por serviço nas forças de segurança
1 - O suplemento por serviço nas forças de segurança é um acréscimo remuneratório mensal atribuído aos militares da Guarda em efectividade de serviço com fundamento no regime especial da prestação de serviço, no ónus e restrições específicas das funções de segurança, no risco, penosidade e disponibilidade permanente, composto da seguinte forma:
 
Querem lutar por coisas que contemplem o risco? E que tal lutar por direitos e condições que tínhamos até 31DEC2005, como a situação de reserva e reforma, a SAD sem qualquer desconto para nós e para os nossos cônjuges, ao contrário que a que temos hoje em que ainda por cima descontamos 14 meses por ano quando só vivemos 12, os dias de férias que tínhamos no anterior estatuto, a subida de escalão de 3 em 3 anos e sem estar sujeito a sistemas de avaliação manhosos. Isto sim é que são medidas, Condições e direitos que contemplam o risco, risco esse que vamos correr sempre. O resto por que andam a lutar agora, são simplesmente tretas sem sentido.

A maior parte dos militares da Guarda paga/desconta mais para a SAD por mês e ano, do que esta vergonha de subsidio de risco que agora lhes querem dar. Acabe-se de uma vez por todas com os descontos para a SAD, ainda por cima 14 vezes por ano, e está encontrado uma parte do subsidio (a outra será a reserva e reforma, escalões e férias existentes até 31DEC05) pelo risco que se corre, e metam o subsidio de risco que agora querem dar naquele sitio onde o sol não chega.
Guarda que anda à linha
Guarda que anda à linha
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 55
Profissão : Funcionário publico
Nº de Mensagens : 1713
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por toinojaquim Qua 30 Jun 2021, 16:50

Eu até não ganho mal! Ganhava mal se trabalhasse muito mas eu não faço um car#/%0. E cada vez vou fazer menos. os Socrates e os Salgados que trabalhem, vão-se mas é fo#"%.
toinojaquim
toinojaquim
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 487
Mensagem : " As massas nunca se elevam ao padrão do seu melhor membro, pelo contrário, degradam-se ao nível do pior"
Meu alistamento : 2003 Portalegre


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por reideespadas Qua 30 Jun 2021, 17:13

Que \'\'Auto-removido\'\' de proposta apresenta um governo, com base numa coisa que não existe há cerca de 10 anos!
reideespadas
reideespadas
Cabo-Mor
Cabo-Mor

Masculino
Idade : 40
Profissão : Militar/GNR
Nº de Mensagens : 326
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por dragao Qua 30 Jun 2021, 22:11

Governo tem 43 milhões de euros para subsídio de risco dos polícias

Ministério da Administração Interna salienta méritos de uma proposta contestada por todos os sindicatos.

Apesar da contestação das associações socioprofissionais da GNR e dos sindicatos da PSP, o Governo assegura que "as negociações para a revisão dos suplementos e subsídios das forças de segurança vão prosseguir, para que possam ficar concluídas até à aprovação do próximo Orçamento de Estado" e que se possa iniciar "o pagamento dos mesmos já no próximo ano".
"O processo negocial que o Governo iniciou no ano passado tem permitido uma ampla discussão sobre as matérias relativas à valorização dos profissionais da GNR e da PSP", refere um comunicado do Ministério da Administração Interna (MAI), emitido nesta quarta-feira, após reunião com os representantes dos polícias.

Nesse documento, o Governo salienta que a proposta apresentada pelo secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna, Antero Luís, prevê a criação do novo Suplemento por Serviço e Risco nas Forças de Segurança em substituição do atual Suplemento por Serviço nas Forças de Segurança. Em suma, os polícias deixam de receber os 31 euros mensais referentes ao subsídio em vigor para passar a auferir, em forma de subsídio de risco, 100 euros por mês se tiverem funções de ronda/patrulha, 90 euros se desempenharem funções de comando ou, no caso dos restantes elementos das forças de segurança, 80 euros. "Um compromisso que representa um valor total superior a 43 milhões de euros", destaca o MAI, que enalteceu o mérito de uma proposta que voltará a ser analisada numa reunião marcada para 21 de julho.
Todos contestam
O mérito da proposta evidenciado pelo Governo não é, no entanto, reconhecido pela Associação de Profissionais da Guarda (APG/GNR), que só não abandonou a reunião desta quarta-feira "em apreço pelo respeito que tem pelos associados que representa". "A APG/GNR repudia o valor proposto para compensar o risco e penosidade das funções de segurança pública, pois trata-se de um valor absolutamente indigno das nossas funções oscilando entre os 80 e os 100 euros, vindo substituir a componente fixa do Suplemento por Serviço nas Forças de Segurança e que é hoje de 31,04 euros. O que equivale a dizer que o valor real proposto poderá oscilar entre os 68,96 e os 48,96 euros", defende a associação.
A APG/GNR alega, ainda, que os valores apresentados pela tutela representam, "mais uma vez, uma tremenda desconsideração para com aqueles que diariamente estão na linha da frente e que são os primeiros achegar às situações e que, como tal, estão mais expostos ao risco".
Também a Associação Sindical dos Profissionais de Polícia (ASPP) considera o valor do subsídio sugerido pelo Governo "injurioso e uma desconsideração pelos polícias". "Não deixaremos que exista qualquer margem ou argumento para um futuro e eventual prejuízo para os policias e com a máxima responsabilidade assumimos a nossa posição de fazer uma contraproposta, a qual será brevemente entregue ao governo e que apenas terá como intuito a consagração de um suplemento de risco, de valor que dignifique os polícias, e numa perspetiva de compromisso e seriedade", afirma a ASPP.
O mesmo sindicato promete que não deixará "de fora a contestação e a luta como instrumentos de intervenção sindical, caso o Governo não conclua este processo de forma a respeitar os polícias".
APG/GNR e ASPP tinham proposto um subsídio de risco a rondar os 400 euros, durante as conversações com o Governo.
https://www.jn.pt/justica/governo-tem-43-milhoes-de-euros-para-subsidio-de-risco-dos-policias-13892024.html
dragao
dragao
Cmdt Interino
Cmdt Interino

Masculino
Idade : 52
Profissão : gnr
Nº de Mensagens : 21895
Mensagem : Ler as Regras ajuda a compreender o funcionamento do fórum!
Meu alistamento : Já viste este novo campo no teu perfil?

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por COELHO.X Qui 01 Jul 2021, 08:58

Neste momento só uma solução,  todos os sindicatos e associações que juntem todos e fiquem à porta da tal reunião nesse dia em forma de protesto!!
COELHO.X
COELHO.X
Capitão
Capitão

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 5570
Mensagem : Passam Céleres Altivos e Impenetráveis..é a Cavalaria que Passa!
"Para ter inimigos, não precisa declarar guerras, apenas diga o que pensa..."

Martin Luther King

Meu alistamento : (1999) Século Passado!!Há pois é.


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por cardozinho Qui 01 Jul 2021, 10:09

bom dia Camaradas, acho que o que o camarada "Guarda que anda à linha" comentou atrás tem toda a lógica. deveria se gastar energia em direitos mais uteis, como situação da reserva e reforma; Sad GNR; Promoções e subida de indice estes deveriam ser os temas que penso ter mais peso no nosso dia a dia. 
Risco vamos corre lo sempre, todos os dias, não são 300€ que fazem com que esse risco diminua, mas sim condições de trabalho melhores no dia a dia, mais equipamento e mudança de mentalidades dentro da Instituição. É só a minha opinião.
cardozinho
cardozinho
Guarda
Guarda

Masculino
Idade : 40
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 51

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Estranho Qui 01 Jul 2021, 10:31

Alguém me explica isto "31 euros mensais referentes ao subsídio em vigor" ... hmm
Estranho
Estranho
2º Sargento
2º Sargento

Masculino
Idade : 40
Profissão : Militar GNR
Nº de Mensagens : 819
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por COELHO.X Qui 01 Jul 2021, 10:41

cardozinho escreveu:bom dia Camaradas, acho que o que o camarada "Guarda que anda à linha" comentou atrás tem toda a lógica. deveria se gastar energia em direitos mais uteis, como situação da reserva e reforma; Sad GNR; Promoções e subida de indice estes deveriam ser os temas que penso ter mais peso no nosso dia a dia. 
Risco vamos corre lo sempre, todos os dias, não são 300€ que fazem com que esse risco diminua, mas sim condições de trabalho melhores no dia a dia, mais equipamento e mudança de mentalidades dentro da Instituição. É só a minha opinião.
Também concordo  militar
COELHO.X
COELHO.X
Capitão
Capitão

Masculino
Idade : 43
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 5570
Mensagem : Passam Céleres Altivos e Impenetráveis..é a Cavalaria que Passa!
"Para ter inimigos, não precisa declarar guerras, apenas diga o que pensa..."

Martin Luther King

Meu alistamento : (1999) Século Passado!!Há pois é.


Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por quintas84 Qui 01 Jul 2021, 12:24

Estranho escreveu:Alguém me explica isto "[size=48]31 euros mensais referentes ao subsídio em vigor" ... hmm [/size]
O suplemento das forças de segurança é constituído por dois valores somados uma parte é uma percentagem do salário base e a outra parte uma componente fixa de 31 igual para todos.... Pelo que percebi pela proposta e depois de ter falado com um amigo da polícia é que esse valor de 31 euros seria desagregado do suplemento e substituído pelos valores de 79/90/99€ mas como vão retirar os 31 ficaria 48/58/68€ líquidos ainda sujeitos a imposto....
quintas84
quintas84
Guarda Provisório
Guarda Provisório

Masculino
Idade : 44
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 44
Meu alistamento : 2001

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por reideespadas Qui 01 Jul 2021, 18:16

Alguém me explica isto "[size=33]31 euros mensais
[size=33]Isso desapareceu há cerca de 10 anos com reestruturação do ssff, era uma parte fixa igual para todos os militares que acrescia a ou parte de x%, mas do vencimento base. Mas com a restrituracao do ssff foi integrada e subiu o ssff para 20% do base. Resumindo a proposta do governo é baseado numa coisa que já não existe, é que os militares mais novos nem sabem que existiu. 
[/size][/size]
reideespadas
reideespadas
Cabo-Mor
Cabo-Mor

Masculino
Idade : 40
Profissão : Militar/GNR
Nº de Mensagens : 326
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por quintas84 Qui 01 Jul 2021, 18:33

reideespadas escreveu:[size=55]Alguém me explica isto "[size=56]31 euros mensais
[size=56]Isso desapareceu há cerca de 10 anos com reestruturação do ssff, era uma parte fixa igual para todos os militares que acrescia a ou parte de x%, mas do vencimento base. Mas com a restrituracao do ssff foi integrada e subiu o ssff para 20% do base. Resumindo a proposta do governo é baseado numa coisa que já não existe, é que os militares mais novos nem sabem que existiu. [/size][/size][/size]


Não desapareceu não

https://dre.pt/web/guest/legislacao-consolidada/-/lc/154482977/202104240758/73940964/diploma/indice?consolidacaoTag=Administra%C3%A7%C3%A3o

Vá ao seu boletim e verifique se o suplemento corresponde só  aos 20%. Ou a esse valor mais os 31€
quintas84
quintas84
Guarda Provisório
Guarda Provisório

Masculino
Idade : 44
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 44
Meu alistamento : 2001

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por smelly Qui 01 Jul 2021, 23:53

correcto, Quintas84. 
militar
smelly
smelly
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 36
Profissão : Militar da Guarda Nacional Republicana
Nº de Mensagens : 1313
Mensagem : A união faz a força..
Meu alistamento : 2004

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por conchinha Sex 02 Jul 2021, 09:58

Fixe Fixe
conchinha
conchinha
Sargento-Ajudante
Sargento-Ajudante

Masculino
Idade : 55
Profissão : Cabo da gnr
Nº de Mensagens : 1809
Mensagem : olá um abraço amigo para todos os membros do forum
Meu alistamento : 17SET1990

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Ark Sab 03 Jul 2021, 14:52

Os que com uma confiança desmedida diziam há uns meses atrás
"...está feito, ronda os 250 e começa em junho..."

agora andam escondidos e nem abrem a boca.

O politicamente correcto serve zero ! 

Apresentada uma proposta de gozo como esta, deveriam na hora remeter-se ao silêncio e abandonar o local, sem mais conversa.
Ark
Ark
1º Sargento
1º Sargento

Masculino
Idade : 37
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 1257

Ir para o topo Ir para baixo

Em Curso Re: PSP e GNR defendem subsídio de risco a rondar os 380 euros

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir para o topo